Daer anuncia instalação de redutores de velocidade na Rota do Sol, próximo ao acesso de Fazenda Souza

Deputado Neri e vereadora Tatiane Frizzo, do Solidariedade, acompanharam anúncio  / Foto: Gabriel Rodrigues
Deputado Neri e vereadora Tatiane Frizzo, do Solidariedade, acompanharam anúncio / Foto: Gabriel Rodrigues
Na tarde desta segunda-feira (25), o deputado estadual Neri, o Carteiro (SOLIDARIEDADE) reuniu-se com o Secretário Estadual de Logística e Transportes, Juvir Costella, e com o Diretor-Geral do Daer, Sívori Sarti da Silva. Uma comitiva de lideranças políticas dos poderes legislativo e executivo de Caxias do Sul acompanhou a audiência. Na pauta, a conclusão das obras na RS 453, no acesso ao distrito de Fazenda Souza.
Costella reforçou a resolução da Secretaria que continua sendo a de não iniciar novas obras enquanto as que estão em andamento não forem finalizadas. Também informou a retomada de operações tapa-buracos: “O DAER já recebeu 300 toneladas de material asfáltico na sexta-feira e destinou às regiões para que seja iniciada a recuperação asfáltica nas rodovias do RS, garantindo trafegabilidade e segurança”, disse o Secretário.
Em relação a Fazenda Souza, Juvir afirmou que a sinalização realizada na área nas últimas semanas melhorou a condição do local, mas que ainda há necessidade da conclusão da intersecção: “A obra no canteiro central dessa intersecção será iniciada já nos próximos dias, para que a travessia pela Rota do Sol seja feita de forma mais segura. Ainda nesta semana também iniciaremos a instalação de lombadas eletrônicas próximo ao acesso ao trecho”, pontuou o secretário. Contudo,  Costella afirma que não há um prazo para a conclusão da obra. Ainda de acordo com Juvir, o limite de velocidade será de 50 km/h nas lombadas eletrônicas.
Em relação a outra cobrança da comitiva, a RS 122, no acesso a Forqueta, Sívori assumiu o compromisso de dar um retorno referente à sugestão do município, quanto a parceria para estudo e instalação de um semáforo no acesso ao bairro.
Para Neri, a reunião foi importante porque trouxe encaminhamentos para a região, mas é preciso seguir buscando a solução definitiva dos problemas: “Queremos que a obra seja retomada e concluída, garantindo a segurança de todos que passam pela região. Por ora, o redutor de velocidade amenizará os acidentes, mas não podemos permitir que essa espera se estenda ainda mais”, pontuou o parlamentar.