De olho na conjuntura e traçando metas, Convenção do Solidariedade RS define executiva estadual

IMG_4319

O Solidariedade RS definiu, nesta sexta-feira (12), a nova composição da executiva estadual, que mantém à frente do partido o líder Claudio Janta e conduz o deputado estadual Neri, o Carteiro à vice-presidência. Com a participação de membros da executiva nacional, lideranças e filiados, ao longo de três horas foram colocados em discussão planos e metas de curto a longo prazo, visando a concretização do projeto nacional de consolidar o partido entre as maiores potências da política brasileira até 2026.

Avaliando o cenário político do país, o secretário-geral nacional, Luiz Adriano, reforçou que o Solidariedade não faz oposição sistemática ao governo Bolsonaro, porém, identifica fragilidades acentuadas nos rumos da economia, onde “atitude vacilante pode instalar o caos”, principalmente em relação ao controle da inflação e à condução da reforma da Previdência. “Todo mundo torce pelo Brasil e o nosso partido reconhece que reformas precisam ser feitas, porém a condução de maneira impositiva pode colocar em risco uma reforma que é necessária e que pode naufragar”, enfatizou, reforçando também a “chance perdida” pela omissão dos governos anteriores em relação ao tema.

“Nenhum partido se preparou tanto para as eleições de 2018 quanto o Solidariedade, estratégia não nos falta e para 2020 ela já está montada”, enfatizou o presidente Claudio Janta, logo após ser confirmado, por aclamação, na presidência do partido. Para ampliar a participação de mulheres na formação de novos quadros, a estadual irá participar do “Lidera Mais” – programa anunciado pelo Solidariedade nacional visando a qualificação de lideranças femininas. De olho em voos mais altos, além das chapas completas para o legislativo, o Solidariedade RS busca agora ampliar número de prefeituras e, atendendo a diretriz nacional, buscar candidatura própria ao governo do Estado em 2022.

Executiva Estadual do Solidariedade RS 

Presidente: Claudio Janta

Vice-presidente: Neri, o Carteiro

1º vice-presidente: Ricardo Gadret

2º vice-presidente: Carlos Varreira

3ª vice-presidente: Sandra Weber

Secretário-geral: Marco Vieira

1º Secretário: Marcelo Maranata

2ª Secretário: André Scheibler

3º Secretário: Marco Aurélio (Keio) Santos

Tesoureira-geral: Fátima Carolina Santos

1º Tesoureiro: Christino Mattos de Azevedo

2ª Tesoureira: Tatiane Frizzo

3º Tesoureiro: José Carlos (Canhoto) Claudino

Secretário-executivo: José Américo Cordeiro

Secretário de Organização: Alessandro Medeiros Pinto

1º Secretário de Organização: Karla Pires Ferreira

Secretário de Políticas Públicas: Luiz Carlos Bandeira da Rosa

Secretária de Direitos Humanos: Eronita Andrade da Silva

Secretária de Ações Institucionais e Governo: Emerson Fernando
Lourenço

Secretária da Mulher: Nalígia da Rosa Encarnação

Secretário da Pessoa com Deficiência: Rotechild dos Santos Prestes

Secretário da Igualdade Social: Danilo Rosa de Araújo (Barbudo)

Secretário de Religiões: Edson Duarte

Secretário do Movimento Sindical: Flávio Maciel

Secretário dos Jovens: Bruna Pamela da Silva

Secretário dos Aposentados, Pensionistas e Idosos: Lélio Luzardi Falcão

Secretário do Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Agricultura: Danilo Barbudo

Secretário de Proteção aos Animais: Sara Vieira

Secretário de Atenção a Drogadição: Ana Paula Santos

Secretário de Coordenadorias Regionais: Airton Pereira da Silva

Secretário de Assuntos Parlamentares: Alexandre Garcia Martins.

Líder de Bancada: Neri, o Carteiro

Vogal: Jader Appelt Silva

Vogal: Deoclécio Mello

Vogal: Márcio Pavoni

Vogal: Daniela Duarte