Empossada comissão municipal do Solidariedade de Rio Pardo

Rio Pardo

 

A executiva estadual do Solidariedade deu posse, na noite de terça-feira (27), à comissão municipal na cidade de Rio Pardo. Marisete Oliveira assumiu a presidência do partido em ato realizado na Câmara Municipal, com a presença de filiados e lideranças do município e da região.

Reforçando o comprometimento com o desenvolvimento regional, o Solidariedade de Santa Cruz do Sul marcou presença no ato. Em sua manifestação, o presidente Ilário Keller lembrou o processo de criação do partido na cidade vizinha, onde o Solidariedade constitui bancada expressiva. A vereadora Solange Finger, o suplente João Cassepp e o vereador André Scheibler também fizeram suas saudações.

Ex-secretário municipal de Obras e Infraestrutura e de Transportes e Serviços Urbanos de Santa Cruz do Sul, Scheibler reforçou que “os municípios devem ajudar uns aos outros” e colocou o Solidariedade de Santa Cruz à disposição da comissão e da comunidade de Rio Pardo. Pré-candidato a deputado estadual na região, o vereador avaliou que, apesar do momento não ser considerado bom, da perspectiva da sociedade em relação à política, “precisamos acreditar em pessoas novas, para mudar a cara do Rio Grande”.

O ato também contou com a presença do prefeito Rafael Barros, que saudou a presidente Marisete Oliveira, destacando o trabalho da ex-vereadora como “humano e reconhecido pela comunidade”, enfatizando sua atuação junto ao Pronto Atendimento Ambulatorial Municipal. O prefeito ressaltou que a atuação do Solidariedade na região já tem contribuído com o Município. “O Janta tem me auxiliado em Brasília, junto à Secretaria da Agricultura, onde muitas das nossas demandas têm sido encaminhadas com o apoio do Solidariedade e registro esse agradecimento”, manifestou.

Alinhando os pilares estruturais do Solidariedade à defesa de reformas que garantam mais autonomia para os municípios, o presidente Clàudio Janta, pontuou a necessidade da revisão do pacto federativo como uma das bandeiras na plataforma do Solidariedade RS. “A cada R$100 de impostos arrecadados aqui em Rio Pardo, somente R$ 16 ficam no município e é obrigação do prefeito garantir a educação de todas as crianças, garantir o acesso à saúde nas unidades básicas, os medicamentos nas farmácias distritais”, exemplificou. “A política precisa ser solidária com os municípios e este é um dos intuitos da criação do nosso partido”, completou.

Encerrando o ato, a presidente Marisete Oliveira apresentou a nominata do partido em Rio Pardo. Anunciando que faria uma manifestação informal, afirmou que esta deve ser a condução adotada no município, privilegiando as relações humanas e as necessidades sociais, salientando a questão das pessoas com deficiência. “Todos temos anseio pelo progresso e a vocação pela caridade me aproximou do Solidariedade. Eu não vou sossegar enquanto não conseguir o que eu quiser e volto (à política) por isso, para me colocar à disposição de todos. Vamos trabalhar e começamos uma nova caminhada, espero que todos saiamos daqui solidários”, concluiu, sob aplausos.

Também participaram do ato o secretário geral do Solidariedade estadual Marco Vieira, o secretário de Formação Política Carlos Carreira e o ex-vereador Pedro Helfer, de Rio Pardo.

SOLIDARIEDADE EM RIO PARDO

Presidente: Marisete Emilia Wietzke de Oliveira

1º Vice Presidente: Everson Roberto Pereira de Oliveira

2º Vice Presidente: Ramon Reis Barros

Secretária Geral: Sirlene Wietzke Moreira

Tesoureiro: Ronaldo Rodrigo da Silva Paz

Secretária da Mulher: Fabiana de Bona Klafke

Secretária da Igualdade Social: Viviane Franco de Oliveira

Secretário do Movimento Sindical: Otávio Omar Gonçalves

Secretária dos Jovens: Fernanda de Abreu Rodrigues Silva

Secretário dos Aposentados, Pensionistas e Idosos: Josiele Machado Franco

Secretário do Meio Ambiente, Desenvolvimento Sustentável e Agricultura Familiar: Vilson dos Passos

Secretária de Proteção aos Animais: Marilene Wietzke de Lara

Secretária de Atenção à Drogadição: Cleonice Franco Crema

Secretária da Pessoa com Deficiência: Liliane Figueiredo Soares