Mobilização pré-eleitoral do Solidariedade inicia por Porto Alegre

SDPOA

O Solidariedade RS deu início à preparação pré-eleitoral num ato com a militância e lideranças municipais do partido em Porto Alegre, na noite desta terça-feira (20), na Câmara Municipal. O presidente estadual do partido, Clàudio Janta, reforçou que a eleição será de desafios e que o resgate da política passa, principalmente, pela participação e apresentação de propostas não apenas identificadas com as demandas sociais, mas lideradas quem possa representá-las com propriedade.

“O Solidariedade, desde sua fundação, tem sua construção partidária voltada para representar quem não tinha espaço na política tradicional. Constituímos um grupo de lideranças engajadas com as suas comunidades, com os seus segmentos e agora nosso desafio é fazer com que a população participe, vote, faça o seu protesto renovando e votando em gente com esse compromisso”, conclamou.

A pluralidade do grupo deverá ser representada nas eleições. Líderes comunitários e representantes dos mais diversos segmentos estão entre os pré-candidatos a deputado que expressaram a intenção de concorrer pelo partido na busca por uma cadeira no legislativo estadual.

Representando a executiva nacional do partido, Nilton Neco reforçou os objetivos de constituir bancada estadual e representação no Congresso Nacional. “Precisamos eleger um deputado federal e o nosso papel passa por essa necessidade, que não é só do Rio Grande do Sul, mas do Brasil, de eleger uma bancada forte, influente e representativa. Isso passa pelo voto, pelo nosso trabalho e dedicação”, conclamou.

Relatando as ações empreendidas através da Secretaria da Pessoa com Deficiência, o secretário Rotechild Prestes reforçou a atuação dos órgãos de ponta do partido junto às demandas sociais. “Todos os nossos direitos estão sendo derrubados porque não temos ninguém para nos representar. O Solidariedade foi pioneiro ao constituir este espaço, de representação legítima, assim como foi pioneiro das ações que podemos desenvolver através dele”.

No dia 1° de março o partido volta a reunir lideranças na Capital, no encontro estadual que contará com a presença do presidente nacional do Solidariedade, o deputado Paulinho da Força.

Texto: Andréia Sarmanho (reg. prof. 15.592)
Foto: Ana Cristina Silva